Associação ACEGIS

INEM está a recrutar 6 Técnicos/as Superiores na área de Psicologia Clínica

INEM está a recrutar 6 Técnicos/as Superiores na área de Psicologia Clínica para o Centro de Apoio Psicológico e Intervenção em Crise (CAPIC). Candidaturas até 08 de setembro.

INEM está a recrutar 6 Técnicos/as Superiores na área de Psicologia Clínica

INEM está a recrutar 6 Técnicos/as Superiores na área de Psicologia Clínica para o Centro de Apoio Psicológico e Intervenção em Crise (CAPIC). Candidaturas até 08 de setembro.

Requisito obrigatório:
Possuir a cédula profissional, como membro efetivo, emitida pela Ordem dos Psicólogos Portugueses.

Constituem condições preferenciais:
– Especialidade em Psicologia Clínica e/ou da Saúde reconhecida pela Ordem dos Psicólogos Portugueses;
– Formação em Intervenção em Crise e Emergência Psicológica;
– Certificado de Aptidão Profissional de Formador (CAP).

 

Caraterização dos postos de trabalho:

No âmbito das matérias da competência do Centro de Apoio Psicológico e Intervenção em Crise (CAPIC), compreendem, entre outras, as seguintes tarefas:

• Apoiar a população e as equipas de emergência com vista ao desenvolvimento de estratégias ativas de adaptação a situações de crise e emergência;
• Prestar cuidados em teleassistência, designadamente, atender as chamadas e gerir a situação, atuando de acordo com as necessidades avaliadas, e apoiar na gestão das chamadas e intervenção psicológica em crise em articulação com os profissionais de serviço nos Centros de Orientação de Doentes Urgentes (CODU), sempre que necessário.
• Prestar cuidados no âmbito da Unidade Móvel de Intervenção Psicológica de Emergência;
• Prestar cuidados e intervir com os profissionais do INEM que revelem necessidade e referenciar sempre que identificada esta necessidade;
• Prestação de cuidados e colaboração em eventos;
• Prestação de cuidados e colaboração na organização e gestão de situação de exceção;
• Desempenhar a função de formador na área das competências psicológicas e coordenar ações de formação relativas a intervenção psicológica em crise e emergência psicológica;
• Orientar estágios académicos, de acordo com a ética e código deontológico, ao abrigo dos protocolos estabelecidos com as entidades de ensino e com a Ordem dos Psicólogos Portugueses;
• Desempenhar funções na promoção da saúde e segurança no trabalho e prevenção dos riscos psicossociais.

.

 Local de trabalho – As funções inerentes aos postos de trabalho a ocupar serão exercidas no Centro de Apoio Psicológico e Intervenção em Crise (CAPIC), a funcionar junto das Delegações Regionais do Centro e Sul (Lisboa e Faro), com a seguinte afetação:

Refª A – 3 postos de trabalho, para exercício de funções no CAPIC junto da Delegação Regional do Centro, do INEM, IP, nas instalações sitas na Estrada de Eiras, 259 – 2º Andar 3020-199 Coimbra;
Refª B – 1 posto de trabalho, para exercício de funções no CAPIC junto da Delegação Regional do Sul do INEM, IP, nas instalações sitas na Rua Almirante Barroso, 36 – 1000-013 Lisboa;
Refª C – 2 postos de trabalho, para exercício de funções no CAPIC junto da Delegação Regional do Sul do INEM, IP, nas instalações sitas no MARF, Sítio do Guilhim, Edifício A1 – Caixa Postal 30M – Estói, 8009-021 Faro.

 

Formalização de Candidaturas

Sob pena de exclusão, as candidaturas deverão ser apresentadas no prazo de 10 (dez) dias úteis, contados a partir da data da publicação na Bolsa de Emprego Público (BEP), mediante preenchimento de formulário eletrónico, de utilização obrigatória, disponível no sítio da internet do INEM, I.P., em www.inem.pt , separador> Recrutamento > Procedimentos concursais a decorrer > Centro de Apoio Psicológico e Intervenção em Crise (CAPIC) – 6 PT – 2021.

O período de candidatura decorre de 26 de agosto a 08 de setembro 2021.

Ainda não recebe a nossa newsletter?

Subscreva gratuitamente a nossa Newsletter e receba as nossas notícias e artigos no seu e-mail!

Join 16.869 other subscribers

Artigos Relacionados

Todos os Direitos Reservados.

Telefone: (+351) 212 592 663

Intervimos ativamente para a construção e mudança de paradigma da Economia Social e Solidária.

Pela construção de uma sociedade mais justa, paritária e inclusiva.

%d bloggers like this: